Entrada
Entrada
O Centro
Investigação
Investigadores
Actividades Destaques 2015-2018 2014-2011 2010-2007 2006-2003 2002-1999
Formação
Publicações
Biblioteca
Redes Internacionais
Recursos Electrónicos
Call for Papers
Boletim
Ligações úteis
Contactos

English VersionCEC no FacebookCEC no YouTube
Entrada seta Actividades seta 2015-2018 seta CONCURSO PARA A ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE DOUTORAMENTO

CONCURSO PARA A ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE DOUTORAMENTO

No âmbito do INTERNATIONAL PROGRAMME IN COMPARATIVE STUDIES serão atribuídas 5 bolsas de Doutoramento mistas.
Ref.ª: Doctoral Program in Comparative Studies at the University of Lisbon (PD/00194/2013).


Concurso para a atribuição de Bolsas Individuais de Doutoramento

O Programa Internacional de Doutoramento em Estudos Comparatistas da Universidade de Lisboa foi selecionado no âmbito do concurso para financiamento da Fundação para a Ciência e Tecnologia, IP (FCT-IP), tendo-lhe sido atribuídas cinco bolsas de doutoramento para a edição com início em 2015-2016. No âmbito daquele concurso cabe à Comissão Directiva selecionar os estudantes que usufruirão das bolsas financiadas pela FCT-IP, sendo os contratos de bolsa de doutoramento celebrados diretamente com a FCT. Assim, nos termos do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004 de 18 de agosto, na sua atual redacção, e do Regulamento de Bolsas da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, a Comissão Directiva abre concurso para a seleção de bolseiros de doutoramento:

Bolsas de Doutoramento

São atribuídas cinco bolsas de doutoramento mistas. Estas bolsas destinam-se a quem satisfaça as condições previstas no n.º 1 do Artigo 30.º do Decreto-Lei nº 74/2006, de 24 de março, alterado pelos Decretos Leis nºs 107/2008, de 25 de junho, e 230/2009, de 14 de Setembro. A duração da bolsa é anual, prorrogável até ao máximo de quatro anos, não podendo ser concedida por períodos inferiores a seis meses consecutivos.

Destinatários

Podem candidatar-se ao presente concurso: cidadãos nacionais, ou cidadãos de outros estados membros da União Europeia; cidadãos de estados terceiros, detentores de título de residência válido ou beneficiários do estatuto de residente de longa duração, nos termos previstos na Lei n.º 23/2007, de 4 de julho, alterada pela Lei nº 29/2012, de 9 de agosto; cidadãos de estados terceiros com os quais Portugal tenha celebrado acordos de reciprocidade; cidadãos de estados terceiros, uma vez que está previsto um método de seleção que contempla a realização de uma entrevista individual.

Período de Apresentação de candidaturas

O concurso está aberto entre 26 de Maio e 15 de Junho de 2015.

Requisitos dos candidatos:

Os candidatos devem cumprir os seguintes requisitos:

  • 1) Grau de Mestre em Humanidades ou Ciências Sociais (Considerar-se-ão candidaturas de estudantes que se encontrem na fase final do seu Mestrado. Neste caso, o grau deverá ser obtido antes de 30 de Setembro de 2015, e um certificado contendo as notas/classificações obtidas antes da realização da dissertação deverá ser anexado à candidatura)
  • 2) Outro grau (Mestrado ou licenciatura) caso o CV do candidato seja considerado relevante e adequado pelo Conselho Directivo para desenvolver estudos avançados em Estudos Comparatistas
  • 3) Conhecimento de três línguas (Inglês incluído).

Candidaturas

As candidaturas devem ser formalizadas através do envio dos seguintes documentos:

  • 1) Carta de motivação (em inglês)
  • 2) CV (em inglês)
  • 3) Diplomas ou certificados de habilitações (ou cópias)
  • 4) Projecto de investigação (máximo: 5 páginas; em inglês)
  • 5) Sample Paper/artigo científico (máximo: 20 páginas; em português, inglês ou francês)

As candidaturas deverão ser enviadas, por correio eletrónico, para Este endereço de email está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email

Composição do Júri de Selecção

Professora Doutora Clara Rowland, Professora Doutora Donata Meneghelli, Professor Doutor Jan Baetens e Professora Doutora Manuela Ribeiro Sanches.

Avaliação

A avaliação das candidaturas é feita nos termos previstos neste edital, ponderando-se os elementos de apreciação e produzindo-se uma lista ordenada de candidatos. São critérios de seriação da primeira fase de avaliação os seguintes:

  • 1. Mérito do candidato (60%):
  • 1.1 Classificação Final na Licenciatura – 10%
  • 1.2 Classificação Final de Mestrado – 20%
  • 1.3 Experiência e competências de investigação: 30%
  • 2. Qualidade da proposta de investigação (40%):
  • 2.1 Carta de Motivação, exemplo de paper e Plano de Investigação: 40%

Para a Entrevista são admitidos doze (12) estudantes. São critérios de seriação da segunda e última fase de avaliação os seguintes:

  • 1. Mérito do candidato (60%)
  • 1.1 Classificação final da Licenciatura – 10%?
  • 1.2 Classificação final do Mestrado – 20%?
  • 1.3 Experiência e competências de investigação: 30%?
  • 2. Qualidade da proposta de investigação (40%):
  • 2.1 Cartão de motivação, exemplo de paper, proposta de investigação e entrevista: 40%.

Nota: A entrevista decorrerá no dia 10 de julho de 2015, de acordo com horário a comunicar aos candidatos seleccionados. Em caso de impedimento, a entrevista poderá ser realizada por videoconferência.

Divulgação dos Resultados

Os resultados da avaliação serão divulgados até 30 dias úteis após a data limite de submissão de candidaturas, através de envio de comunicação aos candidatos, via correio eletrónico e disponibilizados no sítio web do Programa, no endereço www.phdcomp.net. Após a divulgação dos resultados, os candidatos devem considerar-se automaticamente notificados para, caso pretendam, se pronunciarem em sede de audiência prévia no prazo máximo de 10 dias úteis após aquela data, nos termos previstos no Código do Procedimento Administrativo. Da decisão final pode ser interposto recurso para a Comissão Directiva, no prazo de 15 dias úteis após a respectiva notificação

Financiamento

As bolsas atribuídas no âmbito do presente concurso serão financiadas por verbas do Orçamento de Estado do Ministério da Educação e Ciência e quando elegíveis, por verbas do Fundo Social Europeu através dos Programas Operacionais do período de programação 2014-2020, do Portugal 2020, nomeadamente, o Programa Operacional Temático do Capital Humano, o Programa Operacional Regional do Norte, do Centro ou do Alentejo, de acordo com as disposições do Regulamento Específico aplicável. Em tudo não previsto no Aviso de Abertura é aplicável o Regulamento de Bolsas de Investigação, disponível em http://www.fct.pt/apoios/bolsas/regulamento.phtml.pt.

Nota

Não serão concedidas bolsas a quem esteja em situação de incumprimento injustificado dos deveres do bolseiro no âmbito de anterior contrato de bolsa financiada, direta ou indiretamente, pela FCT, designadamente quando não tenham sido entregues os relatórios finais ou intercalares ou não tenham sido devolvidos os financiamentos cuja restituição seja devida, nos termos da lei ou regulamento aplicáveis.






| Imprimir | Adicionar aos Favoritos |

Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
conteúdos: © 2006 - 2019, Centro de Estudos Comparatistas
textos assinados: © autor respectivo